O que é a endometriose ?

A endometriose é quando o tecido encontrado fora do útero é semelhante ao revestimento do útero (endométrio). A endometriose pode crescer do lado de fora de seu útero, ovários e tubas até mesmo sobre a bexiga e intestinos. Este tecido pode irritar as estruturas que ele toca, causando dor e aderências (tecido cicatricial) sobre esses órgãos.

 

Como posso saber se tenho endometriose ?

Muitas mulheres com endometriose possuem dores pélvicas ou dores abdominais, particularmente com o ciclo menstrual ou com a relação sexual. Já em outras mulheres pode não desenvolver sintomas. A endometriose pode trazer algumas dificuldades para a mulher que quer engravidar. De fato 30% a 50% das mulheres inférteis têm endometriose. Às vezes, a doença pode se desenvolver dentro do seu ovário e formar um cisto (endometrioma). Isso geralmente pode ser visto no ultrassom, ao contrário de outras endometrioses. A única maneira de saber com clareza se você tem endometriose é através de um procedimento cirúrgico chamado de laparoscopia.

 

Como é realizada laparoscopia ?

Laparoscopia é também chamada de cirurgia “minimamente invasiva”, porque o cirurgião realiza incisões muito pequenas ao redor do umbigo e na parte inferior da barriga. Um instrumento como um “telescópio fino” é inserido e colocado em uma incisão, o que permite ao médico olhar para a endometriose usando apenas uma câmera pequena. Os instrumentos são inseridos através dessa incisão para remover o tecido e as aderências. A pessoa pode ir para casa no mesmo dia da cirurgia, podendo retornar às suas atividades habituais. O risco de complicações é pequena.

 

Será que vou ser capaz de engravidar após a cirurgia?

A laparoscopia pode fornecer informações úteis para ajudar a determinar como posso engravidar ou quando é preciso submeter-se à tratamento de fertilidade. No momento da cirurgia, o seu médico pode avaliar o crescimento, a localização e também a profundidade da endometriose e dar-lhe uma “pontuação”.

Essa pontuação determina se a endometriose é considerada:

  • Mínima (FASE 1);
  • Leve (FASE 2);
  • Moderada (FASE 3);
  • Grave (FASE 4).

Este sistema de pontuação é relacionado com o sucesso da gravidez. Se a endometriose estiver nas primeiras fases e for reduzida ou eliminada, ocorre um aumento nas chances de engravidar naturalmente. Após a realização do procedimento, caso não ocorra uma gravidez, pode ser necessário utilizar outras técnicas para ter exito.

Em estágios mais avançados da Endometriose, como é o caso dos estágios 3 e 4, a cirurgia pode ajudar a restaurar o seu normal como a anatomia pélvica para permitir que os ovários e as trompas de falópio trabalhem normalmente.

A cirurgia utilizada para remover grandes endometriomas também pode melhorar as taxas de fertilidade. O tratamento deve ser individualizado e considerar todos os métodos disponíveis para ajudá-la na gravidez.