A boa notícia é que a Fertilização In Vitro se tornou um procedimento ambulatorial. A clínica tendo uma infraestrutura apropriada, é realizada uma leve sedação para retirada dos óvulos da mulher, e retornando para a casa no mesmo dia.

No dia da transferência dos embriões, é como se a paciente estivesse fazendo um exame preventivo de câncer, o Papanicolau, ou seja, sem dor ou anestesia.

O procedimento é relativamente simples e não existe internação hospitalar.

Núcleo Santista de Reprodução Humana | Há mais de 25 anos ajudando a gerar vidas.