Com os recentes casos de Febre Amarela em várias cidades do estado de São Paulo, muitas pacientes estão com dúvidas sobre como se prevenir. Por isso, no post de hoje vamos falar sobre a vacina e medidas preventivas contra a picada do mosquito transmissor do vírus.

Quem pode tomar a vacina? Bebês a partir dos nove meses devem ser vacinados.
Quem não pode tomar a vacina? Grávidas, mulheres amamentando crianças com menos de seis meses e pessoas com o sistema imunológico afetado, devido à tratamentos como contra o câncer, por exemplo, não devem tomar a vacina.

A recomendação para esses grupos é a prevenção contra a picada do mosquito que transmite o vírus da Febre Amarela. Essas pessoas devem evitar áreas de mata da cidade e seguir os seguintes cuidados:

– Usar roupas claras, pois cores vibrantes atraem o mosquito;
– Usar blusa de manga comprida e calças cobrindo as pernas e os pés;
– Evitar o uso de perfumes, outro fator que pode atrair os insetos;
– Usar repelente todos os dias, principalmente as gestantes (para evitar outras doenças como Dengue e Zika). Bebês com menos de dois meses não devem usar repelente! A recomendação é usar um mosquiteiro em volta do berço e manter o ambiente fechado e fresco.

Observação importante: se você tomou a vacina há menos de dez dias, também deve tomar essas precauções.

A partir de fevereiro, a Baixada Santista recebe a campanha de vacinação contra febre amarela. A vacina será aplica nas Unidades Básicas de Saúde.

Leia mais sobre a Febre Amarela.

Núcleo Santista de Reprodução Humana – Gerando sonhos em forma de vida!